segunda-feira, 13 de junho de 2011

Brincadeiras

Sob um céu azul de encanto
entre palhaçada e brincadeira
voam os sonhos dos meninos.

Mágicos feitiços e espanto
entre correrias sem canseira
fazem-se gente, os pequeninos.

Com pós de prlim pim pim
e fértil imaginação infantil
há amigos de faz-de-conta.

Um unicórnio branco-marfim
corre em vastos prados de anil
e é o herói-petiz que o monta.

Elas Princesas e eles Reis
num reino realmente fugaz
governam a infância a sorrir.

Cavalgam em nobres corcéis
todo o dia, sem perder gás
desde manhã até à hora de dormir.

IN - POR UM SORRISO (ANTOLOGIA) - TEMAS ORIGINAIS

Este é um dos cinco poemas que fiz para esta antologia cujas vendas revertem para a AJUDA DE BERÇO, uma instituição que trata de crianças desfavorecidas.

6 comentários:

  1. Meu Amigo...
    Como é bom voltar a ler os seus poemas e poesias!
    Estava sentindo falta desse universo tão belo que você construiu aqui.
    Sinta-se abraçado carinhosamente

    ResponderEliminar
  2. Encantadoramente lírico...Uma fantasia poética que adentrou meu coração. Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Um sonho encantado que alegra e emociona. Lindo Manu. Bom demais te ler. Bjsss.

    ResponderEliminar
  4. As vezes ouço passar o vento;
    e só de ouvir o vento passar,
    vale a pena ter nascido.

    Fernando Pessoa

    Feliz Semana e beijos meus! M@ria

    ResponderEliminar
  5. Muito bom mesmo, Manu!! Ainda mais se considerados os fins...aqui no Brasil nem para ajudar os outros a gente consegue valorizar uma literatura!

    []ssss

    ResponderEliminar
  6. Manu: Lindo poema e parabens por essa antologia para ajuda de berço.
    Um abraço
    Santa Cruz

    ResponderEliminar