sexta-feira, 30 de abril de 2010

Outono distante



Estando eu a desfrutar da Primavera
não nego que no outro lado da esfera
existe alguém a viver noutra estação
é o ciclo da vida, manda a Natureza
até o Outono despido tem sua beleza
e cada Inverno simetriza o seu Verão

Estando aqui a sentir o odor das flores
embriago o meu olhar com mil cores
animado, fico longe do vil abandono
noutra latitude há quem siga o vento
e, nostálgico, veja estrelas ao relento
numa noite calma e serena de Outono

Enquanto aqui as abelhas se regalam
e os rouxinóis dificilmente se calam
sob um céu azul aceso pelo Astro-rei
num outro lugar deste mundo imenso
mas no mesmo mundo a que pertenço
labutam formigas seguindo a sua lei

Nestes dias maiores e pejados de luz
há uma atmosfera saudável que seduz
e nos liberta das tristezas do passado
noutros espaços, ligeiros são os dias
mas também florescem mil empatias
porque Outono tem muito significado

Aqui estreiam infinitos novos namoros
mil beijos são trocados como tesouros
antecipam-se alguns amores de Estio
noutras paragens há afectos findados
outros ainda resistem e são blindados
com o calor da paixão, cortesia do frio

Apesar de respirar outra estação do ano
posso dizer com certeza e sem engano
que todas têm o seu charme e encanto
a Natureza é uma força esplendorosa
no seu saber demonstra ser prodigosa
e a cada estação enche-nos de espanto

Agora o Outono está-me algo distante
mas quando vier, recebê-lo-ei radiante
como o noivo espera a noiva no altar
mas neste momento apenas o namoro
e sussurro-lhe baixinho: Eu te adoro!
a seu tempo viremos a nos encontrar.

Este poema é a minha contribuição ao convite/desafio que me foi feito pelo blogue ESPAÇO ABERTO

32 comentários:

  1. Manu... você não imagina a minha felicidade ao ler a sua participação.

    Que lindo!

    Que esse momento entre nós seja uma forma de criarmos laços mais firmes!

    Obrigada de coração por estar conosco!

    Receba o nosso abraço carinhoso

    ResponderEliminar
  2. Manu,

    Que delícia o seu poema!
    Adorei!
    O Outono é minha estação preferida!

    Beijo grande e obrigada por participar com a gente!

    Ps: Eu simplesmente amei a imagem do seu perfil. Você ainda tem?

    ResponderEliminar
  3. Passei um outono enquanto os meus viviam a primavera e devo dizer que foi o mais lindo de todos! O outono fora dos trópicos é muito mais lindo e faz com que a primavera seja uma explosão de vida. Obrigada por me lembrar dessa sensação maravilhosa do outono! hehe

    ResponderEliminar
  4. O Outono é mesmo radiante, Manu!
    Muito bela a sua participação, meu amigo.
    Parabéns!

    Obrigado por participar com a gente.

    Abraços!

    ResponderEliminar
  5. Adorei seu Outono, linda a sua participação e foi através dessa primeira blogagem do blog espaço aberto e tb a minha primeira participação numa blogagem é que estou tendo a oportunidade de conhecer novos espaços e tb fazer novos amigos.

    Fica aqui o meu convite para conhecer o meu espaço.

    Fim de semana iluminado Manu.

    beijooo.

    ResponderEliminar
  6. Olá Manu,

    Lindo poema, onde fazes a ligação dos dois povos, através das estações, que se desencontram mas que nos acabam por aproximar.

    adorei conhecer-te.
    obrigado pela tua visita.

    canduxa


    um abraço

    ResponderEliminar
  7. Oi, aproveitando a interação dessa postagem coletiva sobre o Outono, vim conhecer seu espaço e te convidar pra ir lá no meu Solidão de Alma...Fiquei feliz de poder abraçar com você essa estação tão linda e poética, cujos sons fecundam o silêncio e enternece os olhares...Beijos&Carinhos

    ResponderEliminar
  8. Lindo, lindo, lindo...
    Não imaginei encontrar algo tão belo e sintetizador desta estação do recomeço como estes teus versos...
    Adorei... simplesmente adorei!
    Beijos, flores e muitos sorrisos!

    ResponderEliminar
  9. Olá Manu,é a primeira vez que estou participando,
    e estou feliz da vida,conhecendo novos blogs, novos amigos,e gostei muito do seu Outono pintado com as cores da natureza,se tiver um tempinho, passe lá no meu cantinho, para o meu Outono, um pouco mais escurinho,

    Abraço,
    José

    ResponderEliminar
  10. Voce às portas do Verão, traz para essa Coletiva um belo Poema.

    Também participo dessa coletiva.

    Forte abraço, Alôha,

    Hod.

    ResponderEliminar
  11. Olá!!!!!!!

    A felicidade aparece para aqueles que choram.
    Para aqueles que se machucam.
    Para aqueles que buscam e tentam sempre.

    Clarice Lispector

    Te desejo um BOM FDS e muita poesia. M@ria

    ResponderEliminar
  12. Lindo poema!
    Estou gostando muito dessa postagem coletiva pois estou cnhecendo muitos blogues legais, fazendo novos amigos.

    Beijo
    Tenha um ótimo final de semana

    ResponderEliminar
  13. Lindo poema, tem comparações ricas e doces. Gostei muito.
    beijos

    ResponderEliminar
  14. Manu, primeira vez que aqui venho e fiquei encantada com a leveza de seus versos, de suas rimas.
    Falas de modo mágico das estações, dos amores e da vida.

    Que bom acontecer essa blogagem coletiva, assim pude encontrar você, vivendo sua primavera, mas ao mesmo tempo vivendo o outono brasileiro.

    Receba o meu carinho e um beijo doce no teu ♥

    ResponderEliminar
  15. Manu
    Lindo o teu Outono.

    Um beijinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  16. Sextilha perfeita!!! Lindo poema, terno, perfeito, alegre e de uma leveza... Adorei!!! E fechou com chave de ouro: "Agora o Outono está-me algo distante/ (...)/ mas neste momento apenas o namoro
    e sussurro-lhe baixinho: Eu te adoro!//
    a seu tempo viremos a nos encontrar./" Meu Deus, é muito lindooo!
    Beijo grande. Blogagem bacana essa, a gente conhece novos amigos.

    ResponderEliminar
  17. Ficou lindo teu poema Manu. Talentoso sempre. Bjs mil amigo.

    ResponderEliminar
  18. Olá Manu, que belo és teu poema!
    Brilhante e singela tua participação.
    Que este outono seja momento de renovação para todos nós.
    Venha ver minha participação.
    http://andreia-tempestade.blogspot.com/2010/04/e-com-imenso-prazer-que-participo-da.html
    Beijo na alma...

    ResponderEliminar
  19. Oi Manu! Tive a felicidade de passar uns dias de primavera aí na Europa ano passado quando fui visitar minha irmã na França. Fiquei deslumbrada com tanta beleza.A primavera aqui tb é linda. Mas nunca vi um lugar tão lindo e florido como lá.De tantas belezas que vi com certeza o que mais me chamou a atenção foi a beleza da estação. Acredito que toda Europa deve ser assim.Infelizmente não pude visitar outros lugares, mas quem sabe uma próxima vez. Deu saudade...Bjsss

    ResponderEliminar
  20. Oi Manu...obrigado por sua participação, o engraçado desta blogagem coletiva é ver tantas folhas pousando por aqui, folhas novas não é msmo...folhas que nunca passaram por estes caminhos...sou uma delas...rs
    Na verdade este é o intuito da blogagem, acho que alcançamos o pretendido de forma muito bacana...valeu amigo...obrigado...muito lindo o seu outono...
    Um abraço na alma...

    ResponderEliminar
  21. Olha, ainda bem que o prêmio dessa nossa participação na Postagem Coletiva não é através da qualidade da obra apresentada, pois se assim o fosse, certamente meu simples texto não estaria a altura de competir com tal grandioso e reflexivo poema escrito pelo amigo!

    Parabéns por tão grandiosa participação!

    Abraços renovados!

    ResponderEliminar
  22. Um belo outono em palavras..parabens.
    Abraços

    ResponderEliminar
  23. Olá!

    Aproveitando a interacção de amigos
    Nesta postagem colectiva, para visitar este espaço
    Para deixar um abraço
    E que, de cada Outono,
    Sucedam sempre lindas Primaveras!

    Brilhante postagem!

    Um bom fim-de-semana
    Com um (e)terno abraço na alma!

    - Moisés Correia -

    ResponderEliminar
  24. Ola!! Já li alguns poemas e textos dessa blogagem coletiva, mas, esse seu poema é um dos mais belos e interessantes que li.Gostei do seu blog, interessante!!

    Um abraço!!

    ResponderEliminar
  25. Olá!!!
    que maravilhosa participação,parabéns!fico feliz com esta postagem que une e dá um colorido especial em nossas vidas.Desculpe-me,só pude vir hoje,tb participo desta festa.
    Boas energias
    Mari
    http://sempretensoesamorcontos&causos.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  26. Marvilhosa sua participação!Seu outono ficou belíssimo!Abraços,

    ResponderEliminar
  27. Apesar de ser outra estação do ano em seu pedaço do mundo, percebo a alegria com que pensa o ritmo dos acontecimentos ao redor dele todo. Linda participação, poeta! Já estou lhe seguindo. Fica aqui o convite, mais que alegre, para que visite-me em meu espaço, dando-me a honra de seu comentário. rumoaescrita.blogspot.com. Um beijo, Deia

    ResponderEliminar
  28. Agradeço
    o
    comentário
    aproveito
    para
    saudar
    a
    tua
    poesia
    de
    que
    muito
    gosto
    até
    breve

    ResponderEliminar
  29. Uau, que lindo poema!
    Puxa, dá gosto de ler. Como é bom ler coisas novas todos os dias.
    Vou dormir de alma lavada e coração leve!
    Um beijo e parabéns pelo lindo texto!

    ResponderEliminar
  30. Olá Manu!

    Parabéns por tão lindos versos!

    Me encantou a tua poesia.

    Oxalá, se visitas o El Puente, te agrade tanto como me agradou o teu espaço.

    Esta blogagem permitiu reunir, pelo menos, três países... Portugal, Brasil e Argentina...

    Sergio (Argentina).

    ResponderEliminar
  31. Oi Emanuel,

    Pensei mesmo que havia lhe enviado um comentário.
    Bom, se sim, vai este outro...

    Bonito poema. Cores, flores, pássaros, outono..., enfim.

    Beijos,

    ResponderEliminar
  32. Surgiram uns problemas, por isso ando agora a visitar os blogs das blogagens...hihi

    Mas é como disseste, ter de falar do outono estando nós na primavera não é fácil... Podes sempre voltar ao meu blog que a porta está aberta... A maioria das coisas do mundo foram feitas para existirem aos pares... Presa e predador, e muitos outros bla bla bla xD

    Tal como os blogs, tem o autor(res) e o leitor(es)... hihi

    Parabéns pela blogagem que está fantástica!

    Sabes que há sempre dois lados duma moeda,
    ___________________________
    Aproveito para divulgar mais um pouco sobre um projecto que gostaria muito que visitassem,

    São várias personagens, com postagens às Quartas-Feiras e aos Sábados, em que cada personagem conta as situações no seu ponto de vista com passados conturbados, cheios de mistérios e muitos podres, a situação piora quando eventos do passado voltam para assombra-las; Memórias, pessoas, crimes passionais e tudo mais.

    Tomem em conta de que somos apenas amadoras, escrevemos por amor a camisola e não é nada de muito Espectacular!!
    Para puderem visitar,
    http://theunforgivensouls.blogspot.com

    Eu acredito imenso no sucesso deste projecto, mas claro que sem divulgação ninguém toma conhecimento, por isso resolvi deixarvos um pouco sobre o assunto juntamente com os meus comentários da blogagem colectiva.
    E peço desde já desculpa por qualquer incómodo que cause.

    Um abraço!

    ResponderEliminar